O desenvolvimento de um site é um projeto e deve ser tratado como tal, com início, meio e fim, tudo que vier após são ajustes e manutenção.

1 – Levantamento de requisitos
O processo de desenvolvimento começa com o levantamento dos requisitos onde é importante levantar informações e entender a demanda do cliente, para essa parte é recomendável utilizar um briefing e pegar os seguintes dados:

2 – Orçamento e cronograma
Nesta fase do projeto após análise das informações enviadas pelo briefing, o Analista enviará todos os passos para o desenvolvimento. É importante deixar tudo muito transparente nesta fase do projeto, descreva as principais dúvidas, os requisitos que serão colocados, mostre exemplos de sites que já desenvolveu, o cronograma e no final da proposta, coloque o valor do projeto.
Exemplo de como pode ser organizado o cronograma:

3 – O layout do site
O layout do site deve ser escolhido de acordo com a área de atuação e identidade visual da empresa, alguns negócios tem que passar mais seriedade e outros o uso de efeitos e cores chamativas fazem parte da atração.
Existem diversas ferramentas que atendem muito bem na hora de desenvolver o layout, como o Bootstrap, o HTML e CSS feitos na mão já não são tão práticos depois desses frameworks.

4 – Acessibilidade
O site deve ser fácil de navegar e ser projetado para atender o objetivo do cliente, existem várias maneiras de otimizar um site e aumentar a conversão dentro dele.
Mapear os processos do site é um bom começo, além de ter o Analytics anexado ao site e utilizar ferramentas que monitoram o fluxo do usuário.

5 – Textos e imagens
Um site deve ter uma linguagem voltada para o seu público alvo e ao mesmo tempo ser clara e de fácil entendimento. Textos muitos longos não são recomendáveis sem uma imagem, infográfico para “quebrar” um pouco o conteúdo.
As imagens seguem o mesmo sentido, devem ser inovadoras e o mais limpas possíveis, não é interessante poluir as imagens de efeitos e cores e textos, isso cansa o usuário e a sua taxa de rejeição no site pode aumentar.

6 – O desenvolvimento do site
Essa é a fase que as funcionalidades do site são implementadas e ele começa a tomar forma, os formulários são implementados, as buscas, e outras ações que o usuário tenha solicitado. Recomendo o PHP para aplicações em website.
A organização das pastas e arquivos vão fazer muita diferença no desenvolvimento e para a manutenção também, sem contar um código limpo e documentado.

7 – Envio para o cliente
Ao enviar o projeto finalizado para o cliente deve-se detalhar todos os passos que foram feitos e todas as tecnologias e funcionalidades implementadas. Encha os olhos do cliente ao entregar o website.

8 – Feedback
Uma das fases mais importante, o pós-projeto, ele é imprescindível e você pode enviar um formulário de satisfação para o cliente para buscar uma melhoria contínua.

Augusto César Mau Vieira
Fundador e sócio-diretor da Geração Tecnológica – GT, Analista de Sistemas há 5 anos com ênfase em desenvolvimento de sistemas para web. Pós-Graduado em Administração de Banco de Dados e Formado no Curso de Sistemas para Internet na Univiçosa/Esuv. Atua na parte financeira, estratégica, administrativa e para o público final atua na criação de sites, estratégias de marketing e ações pontuais, além do atendimento ao cliente.
Categorias: Sites

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *